Na casa com a Flávia

Por Flávia Gerab Tayar 2ª coluna Ok, ok, Lakers 1 X Flávia 0. Vamos então à cozinha!!!

Feijoada Completa. Dicas para o caldo não entornar!

1) Por onde começar

Vamos começar pela visão do todo e depois vamos aos detalhes. Para isso, é importante que você se pergunte o tipo de cozinha que realmente precisa, que nem sempre é a mesma coisa que o tipo de cozinha que você quer.

Quem usa sua cozinha? Com que freqüência você cozinha? Você gosta ao menos de cozinhar? Você costuma receber em casa? E quando recebe costuma planejar jantares? Respondendo estas perguntas conseguimos definir o SEU tipo de cozinha:

Cozinha Integrada X Cozinha Gourmet x Cozinha Convencional

As perguntas acima são importantes pois hoje existe a forte tendência de integrar a cozinha e a sala ampliando os ambientes. O que é bem bacana para quem gosta de cozinhar, mas lembre-se: uma cozinha integrada deve conversar com a decoração da sala, ter a mesma base cromática, materiais nobres, eletrodomésticos bonitos (certos eletrodomésticos de ultima geração não são de fácil manuseio e requerem manutenção e limpeza específica). Tudo deve estar alinhado. E atenção: mesmo com portas de correr e uma super coifa é bem provável que a sua sala fique com o aroma dos temperos usados.

Projeto Flávia Gerab e carina Neves Projeto Flávia Gerab e Carina Neves (foto:Daniel Aratangy)

Projeto Flávia Gerab e Daniella Bulcão Projeto Flávia Gerab e Daniella Bulcão

Casa de Valentina - PoliformUma boa idéia para quem tem espaço é manter 2 cozinhas distintas. Uma para uso diário e outra gourmet. Antigamente só quem possuía uma casa ou um apartamento bem grande conseguia se dar ao luxo, mas hoje, com as varandas crescendo cada vez mais, é possível instala-lás neste ambiente e fazer dele um grande núcleo de convívio.

 

Projeto Flávia Gerab Projeto Flávia Gerab Tayar (foto: Romulo Fialdini)

Talvez, ao pensar nas questões citadas você acabe optando por uma cozinha convencional. Filhos pequenos... três refeições ao dia, trabalho “puxado”, etc. São motivos que podem influir na sua escolha. Neste caso, reserve um cantinho para refeições rápidas e lembre-se: isso não é desculpa para sua cozinha não ter charme!

Projeto Flávia Gerab e Daniella Bulcão - copa e cozinha Projeto Flavia Gerab e Daniella Bulcão (foto Daniel Aratangy)

Copa e Cozinha Ilha

2) Planejamento

Vamos ao layout. Os principais pontos de uma cozinha são: praticidade e o fluxo. Independentemente se sua cozinha é em “L”, ilha central ou galeria, preste atenção ao esquema triangular de trabalho: lavagem, preparação da comida, cocção. Mantenha o maior espaço possível entre a cuba e o fogão para conseguir descansar panelas e preparar a comida. Mantenha a geladeira/ freezer próximo da pia. Assim conseguimos o ideal! Não entendeu? Vamos lá: o repolho sai da geladeira, é lavado (lavagem), picado (preparo) e cozido (cocção) – e depois vai para a mesa! Ah! Pense também no caminho inverso- repolho sai da mesa é jogado no triturador (ou lixo), o prato é pré lavado e deixado na maquina de lavar. Captou?? Deixe sempre a maquina de lavar beeeem próxima da pia.

Ahh... eu sei que aquela geladeira MARAVILHOSA que só falta falar é fantástica, mas veja se ela tem o tamanho adequado para sua cozinha, assim como todos os outros eletros. Dificilmente apenas 1 pessoa fica na cozinha e é importante termos circulação.

3) Iluminação

Uma cozinha bem iluminada, sem sombras, ajuda a evitar acidentes. O melhor tipo de iluminação é a fluorescente que além do baixo consumo de energia, ilumina de forma geral. Se você não gosta dela muito branca opte pela super 83 que é a flúor mais amarelinha do mercado. Para dar uma cara mais moderna costumo usá-las em Spots com vidro fosco.

Para cozinhas integradas aconselho 2 tipos de circuitos distintos: um central com lâmpadas frias para o dia a dia e outro com lâmpadas halógenas para receber e ficar no mesmo clima da sala. Neste caso lembre-se de posicioná-las em cima da bancada e não atrás de você senão teremos uma grande sombra!

4) Acabamentos piso e parede

Estes acabamentos devem ser de fácil lavagem e o mais impermeável possível. Porcelanatos, cerâmica (especificas) e granitos são ótimas pedidas. Já utilizei em algumas cozinhas cimento queimado, granilite e ladrilho hidráulico. No caso do ladrílho, aconselho impermeabilizar o material com resina acrílica ou de poliuretano e depois passar cera incolor e no caso cimento passe uma demão de seladora e três demãos de cera liquida incolor.

Nas paredes pastilha de vidro também dão uma graça especial, mas eu as manteria longe do fogão. Não pela pastilha, mas pelo rejunte que pode impregnar sujeira. Outro material legal para paredes de cozinha é a madeira - longe de áreas molhadas!!! Madeira de demolição está super na moda, aplique cera ou verniz para que fique mais resistente. Dica - a cera deixa o material co uma cara mais natural.

Projeto Flávia Gerab e Daniella Bulcão - azulejos coloridos e desenhados Projeto Flavia Gerab e Daniella Bulcão ( foto Daniel Aratangy)

5) Acabamentos tampos

GranitoVamos aos prós e contras.

Granito: super resistente, muito pouco poroso. Acho uma ótima pedida ainda mais pelo valor em consideração às outras possibilidades. Eu optaria pelos que apresentam menos pintas para ficar com uma cara mais atual, como o preto São Gabriel.

Mármore: Desaconselho. Super poroso mancha fácil e não é higiênico. Apenas para paredes e mesmo assim precisa de cuidados especiais - limpeza só com detergente neutro.

Corian: é uma mistura de resina acrílica e mineral, durável e suuuuuuuper higiênico. CorianNão é poroso então resiste bem a manchas, além de possuir cores incríveis! . O legal é que pode ser termomoldado em forma de curvas e suas emendas são imperceptíveis. Pontos contra... não tente cortar nada sobre o Corian pois ele risca e aí é necessário chamar uma empresa especializada para polir novamente

clip_image024

Silestone: composto por resina e aditivos antifungicidas, não sofre desgaste, são resistentes ao corte de faca e suportam o calor das panelas domésticas. Para mim é um dos melhores acabamentos, mas tanta praticidade tem seu preço… $$$$$

Aço Inox: super clean, moderno, higiênico (as bactérias não resistem por causa da sua temperatura). Uma dica - use apenas em cozinhas

clip_image026gourmet pois riscam facilmente. Mas que é lindo é… Ah! É legal também para fazer frontão atrás do fogão. Da bancada até o teto passando pela coifa. Para manutenção apenas detergente comum ou produtos específicos com Brilho Inox. Nada de abrasivos como polidores de prata!

6) Acabamentos armários

Hoje temos muitas opções Oba! Além do laminado melanimico (fórmica é marca, ok?) que é bem pratica e tem diversos acabamentos – existem umas que imitam madeira que são muito perfeitas! Temos revestimento de Gavetões práticos e grandesalto brilho, resinas de poliéster (só em lojas de cozinhas especializadas) vidros coloridos ou foscos que deixam os armários bem leves,inox, metacrilato... aiii uma infinidade além da velha e boa madeira claro!

Aqui vale um parágrafo sobre o aproveitamento do armário e o que as ferragens e aramados de ultima geração nos permitem fazer- porta temperos, gavetões enormes com amortecimento, excelentes divisores para colocar tudo no seu devido lugar!

 

Armários compartimentados

Depois de tanta informação ficaram com fome? Que tal um cupcake???

azul   blue

 

creme pb

amarelo

laranja

rosa 

lilás Projeto Flávia Gerab

Para receita dos cupcakes clique aqui e… BOM APETITE!!!

9 comentários:

  1. Flávia que escândalo de post!
    Adorei!!!


    Bj


    http://casadefazdeconta.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Oi, Flá!

    Estou amando sua coluna. Este post veio em boa hora. Comprei um cooktop e não sei que distância devo deixá-lo das paredes e do forno (industrial) que ficará embaixo dele. Você me ajuda?

    Conta para a Lu que tem selinho para vocês lá em casa...

    Bjsss

    ResponderExcluir
  3. Flávia, não desanime, que esse jogo você ainda ganha de virada!...
    Por coincidência, mostrei detalhes da minha cozinha esta última semana. Como a casa já foi comprada pronta, não pude planejá-la. Gostaria que ela fosse maior e integrada à sala de jantar, mas não teria coragem de derrubar paredes e mexer com obras.
    A cozinha de ladrilhos é mais o meu estilo, mas o que achei mais fofo, foi o cupcake do Monstro dos Biscoitos.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  4. Menina!
    Que posta mais bem escrito! arrasou total e como dizem por aí na blogosfera: super amamos!!!

    Mas aquele textinho ali no início "abriu" com chave de ouro o post!

    Parabéns!!!
    Nós postamos um chuveiro ao ar livre de enlouquecer qualquer um, venha ver!!!

    Beijos!!!!
    bEIJOS!!!!

    ResponderExcluir
  5. Muito bacana o seu post! Esclarecedor, objetivo e contagiante! Parabéns!
    Beijos
    Karina

    ResponderExcluir
  6. Flávia, vamos lá:
    Uma altura boa para a bancada e o cooktop é de 92cm. geralmente eles são bem baixinhos e o forno pode ficar logo em seguida. o importante aqui é vc deixar ventilação para o forno que deverá ser por baixo (mesmo se vc tiver base, precisa deixar espaço para o ar quente sair) senão o forno estraga.
    quanto às paredes, não sei bem quanto espaço você tem, mas não deixe colado na parede ( uns 25cm pelo menos??) pois senão será desconfortável para cozinhar e vc irá ralar o cotovelo na parede.
    ahh, geralmente os cooktops são 220. Certifique-se de ter deixado a tomada certa!
    Um beijo Flá

    ResponderExcluir
  7. Flá,
    Mais uma vez...PARABÉNS!!!!
    A coluna ficou muito boa, cheia de dicas úteis, recheadas de projetos muito bem desenvolvidos (vide as fotografias postadas) e regada com muito bom humor...
    Sem contar a deliciosa receitinha no final!
    Parabéns por mais este talento!!!
    Beijos
    Vanessa Bulcão

    ResponderExcluir
  8. Lucila e Flavia, tô adorando essas dicas de arquitetura e as fotos dos lindos projetos desenvolvidos pela Flavia! Também adorei a maneira bem-humorada como ela começou esse post. Parabéns, Flavia, você é realmente muito talentosa. Eu particularmente adorei aquela cozinha toda branquinha, bem romântica... Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Ana Karine Wsevolojskoy18/11/2009 16:18

    Flá,

    Sou suspeita pra falar, mas eu tb particularmente adoro a minha cozinha como a katia acima disse. Aliás todos os ambientes do meu apartamento ficaram do jeito que eu queria. Me sinto bem em casa, não só eu como o Nick e as meninas.
    Bjos e sucesso
    karine

    ResponderExcluir

E vc, o que acha? Comente.